Marketing Digital

Marketing reverso: saiba o que é e por que investir nessa estratégia!

Marketing reverso

Os progressos tecnológicos alteraram a relação entre empresas e consumidores. A ascensão e popularização do marketing reverso é um atestado dessa mudança.

Analisando os métodos tradicionais de marketing, podemos perceber que o grande objetivo era fazer com que as pessoas conhecessem determinados produtos.

Era um processo de baixo para cima, onde as grandes empresas ditavam o consumo de um público massificado.

Como aponta o nome, o marketing reverso mudou essa dinâmica. É uma estratégia consideravelmente menos invasiva, que preza pela pesquisa espontânea de potenciais consumidores.

Preparamos este texto para apresentar esse novo conceito de marketing, as vantagens e os exemplos de como ele deve ser empregado, confira.

As características do marketing reverso

O marketing reverso passou a ser uma pauta vigente com a popularização da internet como meio de consumo.

Isso se deve à maior facilidade de fazer pesquisas em mecanismos como o Google.

Hoje em dia, quem deseja resolver um problema pode pesquisar extensivamente até encontrar as opções que melhor atendam a essa necessidade.

As empresas tiveram que se adaptar diante desse novo cenário, o marketing de conteúdo se tornou um foco importante.

Os tipos tradicionais de publicidade já não tem tanto poder de atração. Antes, eram vistos como empecilhos para uma experiência virtual plena.

Sendo assim, a produção de conteúdo que destaca os benefícios de produtos e serviços ganhou vários adeptos.

Perceba que o marketing reverso tem o cliente como ator central. As equipes de marketing trabalham para atender aos interesses dele.

Por que o marketing reverso é vantajoso?

Chegou a hora de apresentar mais diretamente os benefícios de investir no marketing reverso.

Acompanhe os tópicos abaixo e entenda a importância desse conceito para um empreendimento bem sucedido.

Mais espontaneidade

Como já apontamos no início do texto, as estratégias tradicionais de publicidade perderam espaço para ações mais sutis.

O foco, agora, é incentivar a atração orgânica de pessoas interessadas, ou seja, sem pop-ups incômodos ou banners que prejudicam a navegabilidade dos sites. 

No lugar deles, conteúdos verdadeiramente relevantes sobre:

  • Benefícios dos produtos;
  • Novidades do mercado;
  • Tutoriais;
  • Informações complementares.

Nesses quatro casos as ações de inbound marketing servem como catalisadoras de conversões.

A ideia é mostrar de formas concretas como um produto pode impactar positivamente na vida das pessoas.

Relacionamentos mais perenais

Quando uma marca trabalha para produzir efeitos positivos no dia a dia dos clientes, a relação com eles é continuamente fortalecida.

As pessoas conseguem identificar quando um produto está apenas sendo “empurrado” para elas por meio de uma campanha de Twitter Ads invasiva e superficial.

No marketing reverso a intenção é oposta, portanto, quem consome o que é oferecido uma vez tende a construir uma relação duradoura com a empresa responsável.

É o que chamamos de fidelização de clientes. Uma base de clientes sólida é essencial para o sucesso de qualquer empreendimento.

Destaque no mercado

Se em tempos pré-internet uma empresa tinha como concorrência direta somente outras empresas do entorno, no mundo conectado a realidade é outra.

Mesmo que a localização ainda tenha papel fundamental no desenvolvimento de campanhas, ela já não é mais tão determinante quanto antes.

Por isso, as marcas que se esforçam para fazer a diferença ficam em uma posição de destaque no mercado.

Um ótimo exemplo disso são empresas que produzem campanhas publicitárias capazes de viralizar no Twitter.

Uma hashtag popular significa um grande número de usuários entrando em contato com a marca e, dependendo das estratégias de fidelização empregadas, transformando-se em consumidores ativos.

Autoridade

Por fim, colocar um marketing reverso assertivo em prática é fundamental para a construção de uma reputação de autoridade.

Toda marca proeminente é uma referência no seu respectivo campo de atuação, e há razões por trás disso.

O destaque mercadológico que o marketing reverso produz reverbera na forma da imagem de autoridade.

Ao longo do tempo, os empreendimentos que se destacam positivamente se transformam em autoridade no segmento, e podem até mesmo ultrapassá-lo.

Quando se chega a essa altura, as oportunidades de negócio se multiplicam e a mera possibilidade de comprar produtos de uma determinada marca é um diferencial.

Boas estratégias de marketing reverso

A forma de marketing que estamos abordando neste texto protagoniza vários cases de sucesso mundo afora.

Nos tópicos que se seguem, trazemos boas estratégias para aplicar o marketing reverso e obter resultados de destaque.

Ouça os consumidores

Como toda medida de qualidade, não se furte de basear o marketing reverso no retorno dos consumidores sobre o que você oferece.

Analise a imagem atual da empresa, avalie quais pontos precisam ser aprimorados e defina como aprimorá-los.

Ao fazer isso você vai ter material para formular metas e objetivos coerentes, e assim, trabalhar para ter os resultados esperados.

Conheça o público-alvo

Essa dica pode ser lida como um complemento à primeira. As informações sobre os clientes são as matérias-primas para um marketing efetivo.

Identifique quais são os problemas, os desejos e as ambições do público. Use esses fatos para criar estratégias de alto impacto.

Na hora de produzir conteúdo, por exemplo, pesquise quais são as palavras-chaves mais populares nas buscas do Google.

Os termos devem servir para guiar o conteúdo que a marca publica no site e nas redes sociais.

Levando em conta que a grande maioria dos usuários não passa da segunda página de resultados do Google, fazer uso das palavras mais pesquisas garante mais acessos e mais conversões.

Peça permissão

A grande ideia por trás do marketing reverso é não ser invasivo. Portanto, sempre dê a possibilidade de que as pessoas recusem ler um texto ou ver um vídeo.

Ninguém gosta de ter a navegação interrompida por propagandas impossíveis de fechar.

A sutileza é parte integrante do sucesso do marketing reverso. Ela faz os leads se sentirem mais confortáveis e desenvolverem um interesse genuíno pelo material proposto.

Use as estratégias de SEO

Todos os links que possuem posicionamentos altos nos resultados de busca do Google têm algo em comum: as estratégias de SEO.

Essa sigla designa as medidas utilizadas para ter relevância nos principais buscadores da internet.

Para definir o posicionamento dos milhares de links existentes na web, o Google analisa:

  • Originalidade do conteúdo;
  • Relevância do material;
  • Uso de palavras-chaves;
  • Títulos coerentes;
  • Uso de links.

Esses são alguns dos pontos principais rastreados pelos algoritmos do mecanismo de busca mais famoso da rede mundial de computadores.

O SEO é fundamental para que o conteúdo alcance um grande número de pessoas de maneira orgânica, isto é, sem pagar pela exposição.

Tenha landing pages

As landing pages são páginas usadas essencialmente para captar informações de clientes em potencial, os chamados leads.

Elas consistem em janelas que solicitam alguma informação de contato (e-mail, número de celular, entre outros) em troca de conteúdos exclusivos.

Os conteúdos podem ser e-books, planilhas, webinars e qualquer outro formato que abarque informações segmentadas sobre produtos, serviços e empresas no geral.

A captação desse tipo de dados serve posteriormente para direcionar campanhas às pessoas que tiveram interesse.

É importante ressaltar que o intercâmbio de informações deve sempre ser feito com a aprovação do consumidor.

Outra vantagem notável das landing pages é a possibilidade de customizar elementos como texto e layout da página.

Inclusive, o texto deve ser adequado para incentivar o leitor a realizar uma ação. Para isso, pense em CTAs efetivos.

As CTA (“Calls To Action” ou “chamados para a ação”, em tradução livre) são frases que motivam quem lê a tomar uma atitude.

Pode ser baixar um e-book, assinar uma newsletter e até mesmo comprar um produto.  

Patrocine influenciadores

Uma estratégia em ascensão na internet é contratar influenciadores para promover produtos de forma interativa.

Os influenciadores digitais são pessoas de proeminência nas redes sociais. As postagens feitas por eles mobilizam muitos seguidores.

De olho nesse fenômeno recente, diversas marcas consagradas passaram a contar com a imagem de influenciadores para aprimorar o marketing digital.

É possível fazer unboxings (mostrar o processo de retirada da embalagem), tutoriais e outras maneiras de marketing reverso contando com a imagem dos famosos da web como complemento.

Desse modo, sua marca vai aparecer para um novo público e as conversões vão aumentar.

O influenciador escolhido deve ser familiar para a base de clientes que você quer alcançar.

É uma dinâmica parecida com a do marketing de conteúdo: se o conteúdo apresentado não for interessante para as pessoas, não terá efeito.

Mensure os resultados

A partir do momento que uma estratégia de marketing reverso é empregada, é preciso acompanhar os resultados dela de maneira sistemática.

Escolha quais métricas a equipe utilizará para fazer esse acompanhamento. Confira alguns exemplos:

  • Número de curtidas;
  • Quantidade de acessos;
  • Ticket médio;
  • Crescimento das conversões.

As métricas são os termômetros para averiguar o impacto real das campanhas desenvolvidas pela empresa.

Há sempre um investimento a ser recompensado. Cada estratégia leva um tempo específico para render frutos, mas se esse tempo for muito longo é interessante reavaliar os esforços feitos.

Marketing reverso: abordagens diferentes, resultados expressivos

O objetivo deste texto é jogar luz sobre um conceito de marketing que utiliza abordagens diferentes para maximizar os resultados.

O ponto central do e-commerce é sempre privilegiar a qualidade da experiência dos usuários.

Isso vale para a navegabilidade do site, a qualidade do conteúdo postado nas redes sociais e a espontaneidade das interações entre o público e a marca, entre outros fatores.

Em um ambiente tão vasto quanto a internet o excesso de informações por vezes cansa a audiência.

É por isso que peças publicitárias invasivas não surtem o mesmo efeito que um dia já surtiram.Sendo assim, com o marketing reverso os valores e os benefícios da sua empresa ficam mais evidentes. E não é preciso encher a caixa de entrada dos leads de spam para fazer isso.

Adiconar comentário

Clique aqui para publicar um comentário